Tipos de Corpo para cada Vestido


Noivinhas, chegou agora a vez dos Vestidos de Noiva para cada tipo de corpo.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa:


~~> Triângulo invertido: ombros largos, maiores que os quadris.
Objetivo: criar volume na região do quadril e disfarçar os ombros.
O primeiro ponto pode ser conseguido com saias volumosas (modelos 2 e 3) ou listras horizontais (4). Quem preferir um modelo sequinho, pode disfarçar a largura dos ombros com um bolero delicado (1).

~~> Pêra (violão): quadris mais largos que os ombros e o busto.
Objetivo: harmonizar suas medidas.
São indicados vestidos com cortes triangulares (modelos 1 e 2). Detalhes como a manga do modelo 3 e o decote do 3 criam volume na parte superior do corpo, tirando a atenção dos quadris.

Ampulheta: cintura definida e ombros e quadris da mesma largura.
Objetivo: realçar suas curvas.
Mulheres com este perfil ficam bem em qualquer vestido, como o clássico romântico (vestido 1), mas realçam melhor seu corpo com modelos que acompanham suas curvas, como o sereia (vestidos 2 e 3) e os com detalhes na cintura (4). 

Gordinha: está um pouco acima do peso e não acha modelos que lhe favoreçam.
Objetivo: favorecer seu tipo físico, criando curvas e disfarçando a barriguinha.

As mulheres mais gordinhas podem cobrir os braços e marcar a cintura, como no vestido 1 , evasê, cuja saia envelope e o detalhe na cintura ajudam a afinar a silhueta e acentuar suas curvas. O bolero de renda é uma boa pedida para quem não se sente à vontade com os braços de fora. Fica discreto, porém muito delicado. A noivinha cheinha também pode optar por um belo decote em V (vestido 2, frente-única, ótimo para casamentos diurnos ou realizados no verão), valorizando noivas com seios grandes, sem cair na vulgaridade. A cintura logo abaixo do seio (corte império) e o tecido fluido “somem” com a barriga e os culotes, sem apagar suas formas. Além disso, proporcionam bastante conforto, já que, da linha abaixo do seio para baixo, o vestido fica soltinho. O corpete do vestido 3 ajuda a modelar o tronco, valorizando o decote e segurando a barriguinha. Já a saia extra volumosa deixa o look mais proporcional, faz a cintura parecer mais fina e, de quebra, disfarça coxas e bumbum grandes. Cuidado apenas com a faixa na cintura – ela pode acabar “engordando” o look se a cintura não estiver bem demarcada. Na dúvida, não use a faixa. Quem quer usar um tomara-que-caia pode optar pelo vestido 4. O corpete em tecido encorpado e bordado ajuda a modelar o busto e a cintura. O detalhe do bordado que forma um bico abaixo do umbigo ajuda a afinar a silhueta. A saia evasê destaca a cintura e disfarça as gordurinhas indesejadas abaixo da cintura.
Observação: Noivinha, veja bem: o vestido certo pode ajudar a melhorar sua imagem, mas se você está acima do peso considerado saudável para sua altura e idade, procure a ajuda de um nutricionista, faça algum esporte ou vá academia, e adote hábitos alimentares saudáveis. Aproveite que esta é uma fase de mudanças para mudar seu estilo de vida e cuidar melhor da sua saúde e do seu corpo.

Baixinha: mais ou menos abaixo de 1,65cm.
Objetivo: alongar a silhueta, evitando modelos mais longilíneos e os vestidos tipo “bolo-de-noiva”, que criam muito volume, “encurtam” a noiva e ainda a deixma com  um ar infantil, com cara de daminha.
A primeira sugestão de vestido é o 1, um modelo sequinho, reto e corte império (quando fica acinturadinho logo abaixo do decote). Suas mangas (que lembram uma coisa meio épica, meio grega), criam a ilusão de altura. O tecido fluido proporciona um caimento perfeito, que não esconde suas curvas, mas faz seu corpo parecer mais esguio. Fica lindo em casamentos diurnos. Outro modelo sequinho mas que não é reto é o sereia (vestido 2). Ele é justinho do busto até a altura dos joelhos, e então a saia abre um pouco (lembra o corpo de uma sereia, por isso o nome). O tecido deve ser encorpado. Ele ajuda a realçar as curvas do seu corpo de maneira proporcional à sua altura e, de quebra, alonga a silhueta. Apenas evite se estiver acima do peso. Se você é daquelas que sempre sonhou com um vestido volumoso, pode optar por um modelo com corte em A (vestido 3). O volume da saia é moderado e só aparece a partir da altura da coxa, na medida certa para não prejudicar sua postura. Já o drapeado, que começa abaixo do busto e vai até abaixo da cintura, é um ótimo truque para afinar sua silhueta e, conseqüentemente, alongá-la. Outro modelo com volume moderado, puxando para o evasê (o volume da saia começa a partir da cintura) é o vestido 4. As alças ajudam a deixá-la mais longilínea, mas o que favorece seu tipo de corpo neste vestido são os detalhes de bordado e renda na barra da saia irradiando para o alto. Repare como chamam a atenção para os pés e fazem com que as pernas pareçam mais longas. Preste apenas atenção na hora de escolher os detalhes do corpete. Na cintura, a renda deve “acabar” de maneira suava, irradiando para a saia. Se a separação for abruta, em linha reta, você dividirá seu corpo e fará com que pareça menor.


Mais...

 

Se você é do tipo mignon: Para você parecer mais longelínea, prefira modelos de vestido de noiva sem mangas e fuja de tudo que seja pesado e volumoso. Opte por modelos de corpo justo, sem mangas e com cinturas altas. Pois, são detalhes que farão com que você pareça mais alta. Esqueça os curtos, golas e decotes muito fechados. Se for bastante magra opte por modelos de vestido de noiva que marquem a silhueta. Use sapatos altos e véu comprido para  parecer mais alta. As meias deverão ser do estilo suave e clássica, para não tirar atenção do seu vestido de noiva. Uma boa pedida para os sapatos são os modelos forrados e bordados com o mesmo tecido ou de pelica branca. 

Se você é magra: Usufrua o volume das saias e use vestido de noiva com uma cauda longa.  Aplicações ou detalhes horizontais dão amplitude à silhueta, um vestido de noiva mais justo dará ótimo caimento. Abuse dos tecidos mais encorpados. Você também poderá usar bordados, drapeados, rendas e mangas bufantes. Como as mulheres magras podem usar praticamente tudo, é possível ousar nas caudas e usar várias camadas de tule na parte inferior do vestido de noiva. É possível também disfarçar os ombros estreitos com detalhes mais volumosos na parte superior de seu vestido de noiva. E na hora de escolher os sapatos considere a altura do noivo dando preferência para um modelo do tipo channel. 

Se você é gordinha: É preciso acentuar que você deve concentrar os detalhes no decote para que ele disfarce a cintura. Evite tecidos volumosos, esvoaçantes e o tule. Você deve fugir dos vestidos de noiva de modelos largos, pois eles irão chamar a atenção para o que você deseja tanto esconder. Está indicado também o uso de corpetes, cintura baixa em ponta, mangas secas e abuse dos decotes em "vê", pois eles ajudarão a diminuir o busto. Caso você tenha os braços gordinhos ou muito busto, reduza o volume das mangas. Para os sapatos, escolha modelos forrados de pelica e considere também a altura do noivo. 

Se você é alta: Use decotes profundos, pois eles favorecem os ombros e o colo. Sinta-se à vontade para usar caudas longas, os tecidos mais volumosos e um modelo de vestido de noiva mais justo ao corpo. Se você quiser, fica permitido o uso de um vestido de noiva mais curto na frente, e evite capas que saem dos ombros. Entretanto, os modelos de cintura marcada são os mais apropriados. Quando for escolher os arranjos da cabeça, lembre-se da estatura de seu futuro marido. No seu caso indicamos o arranjo do tipo baixo. E não se esqueça: Você deverá usar sapato de salto baixo e caso você escolha um vestido de noiva, cujo modelo seja mais curto na frente, esqueça as sandálias. Pois, mesmo no verão, os dedos dos pés aparecendo darão um péssimo efeito sob seu vestido de noiva. 

Se você é alta e gordinha: Prefira modelos retos e decotes discretos, pois eles darão a impressão de diminuir os ombros. Cubra os braços com mangas transparentes, lembrando que os detalhes em transparência dão a impressão de "menos volume". Evite saias rodadas, vestidos de noiva volumosos. É melhor optar por tecidos mais leves como musselinas e crepes.
Considere o tamanho do salto do seu sapato ou sandália. O mais adequado é aquele que te ofereça uma boa postura e que você sinta-se à vontade durante o tempo em que durar a cerimônia e a recepção do casamento. 

Se você é pequena e gordinha: Nada de modelos justos, recortes e costuras apertando a cintura. Cuidado com vestido de noiva bordado, com rendas e as mangas bufantes. O vestido de tipo evasê cai muito bem para o seu tipo físico, os brilhos poderão ser usados, mas sem abusos. Uma saia longa com cauda discreta ajuda a disfarçar os quadris largos. Evite modelos de vestido de noiva aderentes ao corpo, prefira uma saia pouco volumosa e comprida. Os modelos de vestido de noiva da linha clássica, sem muitos detalhes são os mais apropriados. O estilo do sapato vai depender do modelo do seu vestido de noiva. Caso você opte por um modelo mais formal, seus sapatos deverão ser forrados. Prefira salto alto e do estilo channel. 

Mais dicas:
Retângulo – Os ombro, a cintura e os quadris são da mesma proporção. Você precisa “criar” formas, dando uma ilusão de cintura. Mostre o colo que geralmente é bonito com decotes em V ou U, eles disfarçam a atenção voltada para o resto do corpo. 
Abuse de: Laços acima da cintura, tecidos com textura, casaquinhos curtos acinturados, saias que dêem mais volume ao quadril como as rodadas, vestido com cintura mais baixa e demarcada.
Evite: Roupas largas demais, estampas exageradas, golas altas calças com pregas ou que aumentem o volume da cintura, blusas presas ao quadril com elástico, trench coat reto e cheio de bolsos.
 


Oval - A cintura é maior que o quadris e os ombros, as outras partes do corpo tem forma arredondada. É necessário disfarçar a barriga e deixar a mostra o colo, os braços e as panturrilhas que dão a ilusão de alongar o corpo.
Abuse de: Decotes grandes U ou V e largos como o modelo canoa, túnicas, camisas até a metade do quadril, saias e calças retas, looks monocromáticos, vestidos com corte abaixo do busto retos ou chemise até a altura dos joelhos, tecidos mais encorpados, brincos e anéis fashions.
Evite: Tomara que caia-principalmente se for de lycra- cintos e faixas, calças com barras afuniladas, decotes profundos em V, tecidos volumosos, bolsos e botões exagerados, leços no pescoço, listras horizontais, saias vestidos ou shorts curtos (pois eles encurtam as pernas e aumentam o volume do quadril). 


Ampulheta – As curvas são suaves, os ombros e quadris tem a mesma medida e a cintura geralmente é fina dando uma ilusão de corpo violão.
Abuse de: Vestidos transpassados acinturados, regatas ou blusas de mangas curtas e justas, tecidos maleáveis e de caimento leve, calças retas e de cintura baixa, saias mais justas – sem exagerar – faixas, cintos médios e finos, poucos acessórios.
Evite: Roupas muito soltas ou retas de mais que atrapalham a área da cintura, criando volume. O mesmo para os ombros. Blusas amarradas ao pescoço, peças estruturadas, pregas,  saias volumosas, blusas curtas e casacos sem cintura.


 Pêra – Os ombros são estreitos, a cintura é pequena e os quadris largos. Você deve chamar a atenção para os ombros e demarcar a cintura, onde vai proporcionar o equilíbrio com o quadril. Isso fará seu corpo parecer mais esguio.
Abuse de: Estilo reto, mangas bufantes, decotes e detalhes horizontais, blusas acinturadas, sais levemente afuniladas, tecidos firmes, casacos mais curtos, salto alto, brincos chamativos.
Evite: Calças e sais que dêem mais volume ao quadril (como pregas, sarouel ou que tenham bolsos volumosos), roupas curtíssimas, camisas de punhos largos, decotes profundos em V. 


Triângulo invertido – Os ombros são mais largos que os quadris, as costas são largas e as pernas longas e finas. Os ombros precisam parecer menores e as pernas devem ser velorizadas.
Abuse de: Blusas em tecidos como viscolycra, decotes estreitos e profundos,
Detalhes verticais como cachecóis e encharpes, blusas com babados na barra, vestidos e sais evasês, mangas de punho amplo, calças de cores fortes.
Evite: Decotes canoa, estampas grandes e coloridas, tecidos estruturados, roupas muito justas, calças afuniladas, bolsas de alças curtas, cintura alta, brincos grande e colares curtos. 



Outras dicas:

Muito busto - Para quem tem muito seio é interessante privilegiar os decotes quadrados e transpassados. Os decotes profundos devem ser evitados. Procure chamar atenção para a saia. 


Pouco busto - As mulheres com pouco busto podem abusar de decotes profundos na frente ou nas costas. Os tecidos plissados e trabalhados na região do busto ajudam a dar volume. As mais magras podem investir em tecidos transparentes. 

Braços volumosos - Os modelos de alças e tomara-que-caia devem ser evitados. As mangas devem ser adotadas ao visual. Mangas longas ou ¾, boca-de-sino ou com estampa miúda, tudo isso valoriza o visual. 

Perna curta - Quem tem pernas curtas pode investir em vestidos com cintura alta, pois afinam e alongam a silhueta. Outra dica boa é usar sapatos de bico fino e peças com decote V. 

Sem cintura - Os modelos ajustados ao corpo colaboram para valorizar a cintura.Os vestidos com faixas nessa região, em moda atualmente, contribuem para afinar a cintura. 

Barriga flácida - Quem tem barriga flácida ou fora de forma pode investir em tecidos estruturados como o shantung ou tafetá. Os modelos de vestidos império ou cintura baixa são ideais para disfarçar a indesejada barriguinha.

Qual cor escolher de acordo com o tom de pele?


pele muito clara: evite tons esverdeados ou amarelados. Os tons rosados, azulados e avermelhados são indicados.

pele negra: escolha entre amarelo, verde, bege, azul ou vermelho… Fuja dos marrons.

pele amarela: prefira vermelho, azul, rosa, marron ou dourado. 


Veja bem, é um blá blá blá danado, né? Eu sei, eu sei... Mas tenha certeza que não exagero nas recomendações. rsrsrs... A escolha do Vestido de Noiva é um dos momentos mais marcantes antes do dia do casamento! E, assim, muita calma nesta hora! É de extrema importância não ir logo a correr comprar um vestido de noiva que pode ter de ser substituído mais tarde por outro.


 Aqui vão 20 dicas para a ajudar a selecionar seu vestido de noiva de acordo com o seu casamento:
  1. Não compre um vestido de noiva só porque a sua mãe, noivo ou amiga adoram, escolha um vestido que adore e que seja tão belo quanto confortável.
  2. Deve visitar pelo menos quatro lojas de vestidos de noiva diferentes para que a escolha seja suficientemente diversificada.
  3. Mesmo que considere certa cor, forma ou design do vestido de noiva não tenham nada a ver com a sua personalidade, ou ache que possa ser desadequado ao seu tom de pele, deve experimentar na mesma. Os vestidos de noiva nos cabides ou na mão, são bem diferentes do que no nosso corpo, acredite!
  4. Questione-se sobre o tipo de vestido de noiva adequado para o tipo de cerimónia e recepção do casamento. Qual o grau de formalidade do casamento, qual a altura do ano, qual a altura do dia e o espaço onde vai decorrer. O casamento realiza-se no exterior, ou dentro de portas?
  5. Opte por comprar o vestido de noiva só quando tiver o local, a hora e toda a decoração do casamento decidida. O vestido de noiva deve ser seleccionado de acordo com todo o ambiente do casamento. Um vestido de noiva muito simples pode não estar de acordo com um casamento celebrado depois das 16:00, num salão de um palácio; tal como um vestido esplendoroso super ornamentado não combinará com um casamento ao ar livre.
  6. Verifique se o tecido é adequado à altura da estação, por exemplo a seda estraga-se em ambientes húmidos.
  7. Na altura da escolha do vestido de noiva, deve ter em atenção que vai permanecer com ele vestido durante um dia inteiro. Então experimente-o verdadeiramente: sente-se, levante os braços, rode com ele, são tudo gestos que fará de certeza no dia do casamento.
  8. Não compre um vestido de noiva para o qual pretende perder peso. Sentir-se-á melhor num vestido que lhe assente bem.
  9. Escolha um vestido de acordo com a sua silhueta. Os vestidos em corte A, ou estilo princesa (em vez de fazer a cintura por cima das ancas fá-la debaixo dos braços) assentam melhor a mulheres um pouco mais fortes. O segredo para escolher um vestido de noiva ideal para o seu tipo de corpo é escolher um vestido que desvie o olhar de áreas problemáticas, como ancas muito largas, bustos muito grandes, pernas baixas, etc. Por exemplo: um laço no fundo das costas, não disfarçará um rabo grande, mas sim atrairá a atenção sobre este. Um vestido sem decote, muito próximo do pescoço, ou muito frisado, aumentará um busto já de si grande.
  10. Caso queira acentuar as suas curvas escolha tecidos pouco rígidos e maleáveis que adiram ao corpo. Se desejar moldar ou disfarçar as suas curvas opte por tecidos duros e pouco maleáveis.
  11. Para uma silhueta em “pêra” (parte das ancas e pernas maior que o tronco) os vestidos de noiva com cortes em coluna ou cintados não devem ser uma opção. Opte por vestidos tipo princesa em corte A, tendem a minimizar as ancas.
  12. Para alongar o torso ou para diminuir uma cintura larga, escolham um vestido com corpete com silhueta V, este retira a atenção da cintura e alonga o tronco.
  13. Para mulheres de baixa estatura, os estilos simples, sem muitos floreados assentam melhor.
  14. Conjugue o véu com o vestido. Vestidos coluna sem mangas e vestidos cintados combinam com véus compridos de catedral. Os vestidos rodados e vestidos estilo bailarina combinam com véus curtos ou véus pela cintura. Basicamente, quanto mais elaborado e decorado o vestido for, mais simples deve ser o véu.
  15. Considere o tipo de cor que a favorece, repare se o seu tom de pele se adequa à cor do vestido. Não se esqueça que a iluminação na loja não é a mesma que existe no dia do casamento.
  16. Consulte um(a) designer ou costureiro(a) de vestidos de noiva para saber qual o corte que lhe assenta melhor.
  17. Não se focalize só no vestido, existem certos acessório para a noiva a não esquecer como: as luvas, o véu, o bouquet, as jóias, os adornos no cabelo. Todos estes acessórios devem ser pensados juntamente com o vestido para não dar numa mistura demasiado exagerada! Escolha tudo em harmonia.
  18. Nunca se deixe pressionar pela pessoa que lhe está a vender o vestido, qualquer vestido demora no máximo dois meses a ser feito, se esta lhe disser que pode desaparecer não se preocupe com isso. Faça a compra com tempo e não ceda a pressões.
  19. Nem sempre um vestido de noiva tem de ser “um vestido de noiva”. Um vestido de cocktail de cor clara complementado com um bouquet  de noiva e um véu exemplifica uma excelente alternativa. Outra alternativa é pedir à sua mãe o vestido de casamento e mandá-lo adaptar a si.
  20. Relativamente aos sapatos de noiva, deve comprar uns que não sejam demasiado altos, é aconselhado o uso deles em casa durante umas semanas antes dia do casamento. Pode pensar mesmo em comprar dois pares um com o seu número e outro com um número acima para quando estiver muito cansada.
 
 
 
 

Ufaaaaaaaaaaa... Pensa que acabou? Agora que estamos começando!!! hehehe...
Depois de definir seu tipo físico, no próximo post, vou mostrar alguns modelos que acho lindos!!!

Inspirações de outras roupas aqui: warmest winter coats for womenoversized sweaters for womencute winter coats.


2 comentários:

  1. Amei esse blog, muito interessante uma filha de amiga minha vai se casar e ja tratei de mandar para ela ver obrigada abçs....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por ter ajudado! :-)
      E também por ter gostado do blog.
      Obg pela indicação, viu?
      Xerinho!

      Excluir

• Os coments são moderados para eu responder todos.
• Comente sobre a postagem.
• Sua opinião, sugestão, dica e alerta são bem-vindos!