Para um Casamento Feliz

Oi...
Conseguir manter a harmonia entre duas pessoas distintas que escolheram viver a vida em conjunto não é tarefa fácil e só porque casaram não significa que a partir do momento em que deram o nó serão felizes para sempre!
Espero que assim seja... Contudo, o casamento não é uma solução para nada, mas antes um compromisso muito especial que necessita de manutenção contínua. Todos os dias, de ambas as partes.



1.  Respeitem-se. O mais crucial de todo e qualquer mandamento para um casamento sadio e feliz é, sem dúvida, o respeito mútuo: respeito pelas ideias, opiniões e crenças de cada um, pelo seu espaço físico, pelos seus bens, pela sua integridade física e moral, pela sua família e amigos. Para além de se respeitarem, façam questão de mostrar a consideração que têm um pelo outro – os pequenos gestos podem fazer uma grande diferença.



2. Sejam honestos. Mentir, esconder, não dizer, guardar só para si assuntos que dizem respeito a ambos pode revelar-se desonesto e se há alguma coisa que não combina com um casamento é a falta de honestidade. Desde o motivo porque chegou tarde a casa três noites seguidas, às compras que fez no cartão de crédito de ambos, à cor que um escolheu para pintar a sala, tudo deve ser do conhecimento um do outro… ninguém quer acordar um dia e descobrir que estava a viver uma mentira.



3. Saibam comunicar. A comunicação é a base de qualquer relação bem-sucedida, principalmente um casamento. Palavras não ditas ou ditas de forma errada, podem causar graves danos num relacionamento a dois. Pensem duas vezes antes de falar, e uma terceira para se certificarem que estão no sítio certo para o fazer. Para além disso, façam questão de nunca irem para a cama zangados, vão sentir-se mais aliviados se colocarem tudo em pratos limpos o quanto antes, até porque quanto mais tempo passar, mais zangados e orgulhosos vão ficar e depois ninguém quer dar o braço a torcer. Este é um ciclo vicioso que devem evitar a todo o custo.



4. Apoiem-se mutuamente. Se um de vocês está bem, então ambos estarão, ou pelo menos é assim que deve ser. Façam um esforço genuíno para estarem a par dos projectos um do outro, de se motivarem para concretizar as suas metas, estejam ao lado um do outro nos momentos de sucesso e de fracasso. Para além disso, devem fazer questão de partilhar os vossos sonhos e objectivos um com o outro e com alguma regularidade. Não se contentem com aquilo que têm (por mais magnífico que seja), procurem sempre mais e melhor, ajudam-se a crescer como pessoas e profissionais.



5.  Sejam capazes de perdoar. Guardar ressentimentos é pouco saudável num casamento e tão importante como o diálogo e o esclarecimento, é a capacidade de perdoar. Claro que cada caso é um caso, mas ultrapassar os obstáculos que a vida nos apresenta, compreender que errar é humano e ter a grandeza de perdoar, procurar soluções em conjunto e seguir em frente é algo que fortalece a maioria dos casais.



6. Dividam responsabilidades, tarefas e preocupações. Mesmo entre um casal, há sempre um elemento que é o líder natural, que tem uma maior aptidão para organizar, decidir e concretizar. Porém, essa pessoa irá suportar o “peso do casamento” e tudo aquilo que isso acarreta durante apenas algum tempo e não sempre. Antes de chegarem ao momento de desgaste total ou de iminente ruptura, dividem responsabilidades, tarefas e preocupações. Para o bem e para o mau, lembram-se?



7. Tomem todas as decisões em conjunto. Tão importante como dividir responsabilidades, tarefas e preocupações é tomarem todas as decisões em conjunto. Todas, todas também não é necessário, mas as mais importantes são incontornáveis – a compra/venda de casa ou de carro, ter filhos, finanças, férias, mudanças de emprego… Um projecto de vida a dois deve ser planeado a dois e como diz o velho ditado: duas cabeças pensam sempre melhor do que uma. 



8. Dediquem tempo um ao outro. Para passear, para fazerem as coisas que mais gostam, para não fazerem nada, para namorarem, para serem íntimos, para conversarem, para se rirem, para se divertirem, para se lembrarem daquilo que vos une. Não é preciso dizer mais nada, pois não?



1 Comentário(s)
Comentário(s)

Um comentário:

  1. Com certeza essa são "dicas" importantíssimas para se ter um casamento duradouro e feliz!

    Beijos :)

    ResponderExcluir

• Os coments são moderados para eu responder todos.
• Comente sobre a postagem.
• Sua opinião, sugestão, dica e alerta são bem-vindos!