Os pés e a cultura




A atriz Penélope Cruz, famosa por sua beleza e talento, foi questionada por uma repórter  de uma tv norte-americana se ela ficava chateada porque tinha os pés feios. Constrangida a atriz respondeu que não e justificou que quem dança tem sempre os pés machucados e doloridos, mas que “estava feliz com os pés que tinha”.





Os pés das mulheres que podem ficar escondidos pelos sapatos, tênis ou botas também fazem parte da literatura. Eles atraem a atenção dos homens e podem até resultar em casamentos.





Todo mundo sabe que Cinderela esqueceu o sapatinho que encantou o príncipe por seu tamanho minúsculo. Ele não procurou pelo rosto da amada, mas sim pelo seu pé, o que provocou uma corrida de jovens interessadas em conquistá-lo mesmo tendo a “plataforma” muito maior.





Já José de Alencar, nosso escritor romântico, em seu livro “A Pata da Gazela” também cria uma trama envolvendo os pés de duas primas. Laura tem os pés feios e Amélia os tem minúsculos, assim como Cinderela. Passeando pela rua, Horácio vê um pé lindo e se apaixona por ele. Ele quer saber então qual das duas primas é a dona do objeto de sua paixão. Alencar se baseou no conto de fada da Cinderela para escrever o livro que causa arrepios em muitos estudantes que detestam ser obrigados a lê-lo.

Dicas para leitura relaxante


Muitos homens são apaixonados por pés e são conhecidos por podólatras. Eles têm fantasias sexuais com esta parte da anatomia feminina, mas o objetivo deste post é apenas citar uma curiosidade da literatura e ao mesmo tempo dar uma dica de como manter os seus pés descansados durante a leitura de um bom livro ou assistindo a um filme delicioso.




Sente-se no sofá ou em uma cadeira confortável. Coloque água morna em uma bacia com bolinhas de gude que vão ajudar você a massagear os seus pés. Enquanto isso, saboreie a leitura ou o filme tomando um suco gelado. Depois basta passar um creme refrescante para você se sentir descansada durante todo o dia. Bom descanso.

Sigam-me:

Blog   |   Facebook   |   Youtube

Texto protegido pela Lei nº 9610/98 - Direitos autorais.

1 Comentário(s)
Comentário(s)

Um comentário:

• Os coments são moderados para eu responder todos.
• Comente sobre a postagem.
• Sua opinião, sugestão, dica e alerta são bem-vindos!