Tudo sobre Kefir
Fonte: Internet
Oi gente, tudo bem? Hoje vamos saber tudo sobre o Kefir - o alimento probiótico que tem vários benefícios para saúde.

Você conhece? Já ouviu falar? Vou contar um pouco sobre ele.

Tudo sobre Kefir - O alimento probiótico que muda sua vida


Para se produzir kefir, primeiro é necessário conseguir os grãos de Kefir, que contém uma variada flora de microorganismos benéfica ao ser humano. Normalmente recebemos esses grãos por doação.

Uma vez obtidos os grãos de Kefir, pode-se ter kefir em casa para sempre, basta cultivá-los ou até mesmo guardá-los em condições especiais por longos períodos quando não estiverem sendo consumidos. Eu sempre congelo "mudinhas", e quando enjoo de comer.

O Kefir para nosso consumo é o leite fermentado por algumas horas com grãos de Kefir, podemos ingerir os grãos também, mas normalmente preserva-se os grãos para a produção de mais Kefir. Ele se alimenta do açúcar do leite, e se multiplica rapidamente.

Devemos ter em mente que o Kefir é diferente do iogurte, yakult, coalhadas caseiras e similares.

O Kefir foi criado na antiguidade e até hoje é desenvolvido sob condições particularmente quase impossíveis de serem repetidas na maioria das nossas residências atuais.

Para se gerar os grãos de Kefir "do nada" hoje em dia seria necessário simular um "ambiente" propício para seu surgimento, como foi feito a mais de 4.000 anos atrás, o que seria extremamente complexo e difícil para a maioria de nós, portanto será muito mais econômico e prático ganhar os grãos do que tentar fazer. 

O Kefir é de difícil industrialização e atualmente existem diversos estudos para poder industrializar, veja nos links abaixo o Kefir em alguns países onde já existe a utilização, industrialização e/ou estudos:


No trato gastrointestinal de crianças recém nascidas são naturalmente encontrados diversos microorganismos contidos no Kefir, com o passar do tempo e também porque provavelmente paramos de consumir muito leite, perdemos esses microorganismos, e eles praticamente só podem ser reencontrados no Kefir.

Composição do Kefir


O grão de Kefir é um agrupamento gelatinoso polissacarídeo que tem vários microorganismos em simbiose, e sua complexidade ainda não foi completamente decifrada pela ciência.

Basicamente o Kefir contém:

8 leveduras, 2 bactérias acéticas, cerca de 16 lactobacilos, cerca de 9 streptococci/lactococci, ácido fólico, ácido pantotênico, biotina(vitamina B), cálcio, carboidratos, fósforo, gordura, lactase, magnésio, niacina (vitamina B3), potássio, proteínas, pyridoxina (vitamina B6), triptofano, vários outros aminoácidos benéficos, vitamina B12, vitamina K.

O uso do Kefir como alimento pode trazer benefícios e auxílio no combate a problemas de:

asma, acne, problemas renais, acidez estomacal, problemas circulatórios, colesterol, reumatismo, osteoporose, hepatite, bronquite, catarro, tuberculose, descontrole da produção de bílis, alergias, enxaqueca, males do cólon, úlceras, problemas digestivos, colites, bactérias hostis, prisão de ventre, diarréia, candidíase, inflamações intestinais, ansiedade, depressão, diversos eczemas.

Tudo sobre Kefir
Fonte: Internet

Perguntas e respostas sobre o Kefir


- Porque doar grãos de Kefir? As bactérias do Kefir não me atacarão?

O Kefir contém cerca de 37 microorganismos. O que ocorre é que esses microorganismos do Kefir são benéficos ao nosso organismo, principalmente porque a grosso modo eles simplesmente "devoram" as microorganismos malignos que estão dentro do nosso corpo, principalmente no sistema digestivo, existem inúmeros microorganismos maléficos que são eliminadas pelo Kefir e além de outras coisas o Kefir é também nutritivo. Ou seja, a probabilidade de sermos atacados por organismos nocivos é total!Mas o Kefir vai exatamente combater isso! 

Esse já seria um bom motivo pra doar, ou difundir o uso, imagine, doando grãos, consumindo ou divulgando o uso do o Kefir, estaremos combatendo microorganismos nocivos que a humanidade vem "cultivando" em seus corpos e que podem causar doenças, inclusive o câncer . 

Outro motivo para doar seria que o Kefir forma uma simbiose conosco, eles nos ajudam eliminando seres nocivos a nós e ainda nos alimentando, e nós os alimentamos e cultivamos, isso desperta um sentimento de solidariedade.

- O Kefir já foi testado em seres humanos?

Estima-se que Kefir tem sido usado por seres humanos por cerca de 4.000 anos, nesse período, seu uso foi secreto por povos da região do Cáucaso, região montanhosa entre os mares Negro e Cáspio, eles tinham medo que inimigos ou supostos inimigos deles tivessem acesso aos benefícios do Kefir ou que o Kefir perdesse suas propriedades benéficas, portanto, esconderam durante cerca de quatro mil anos o segredo de produzir o Kefir. Esses povos consomem o Kefir a vida toda, desde o nascimento e são conhecidos pela sua longevidade e atingem em média 110 anos de idade.
O restante da humanidade começou a ter contato com o Kefir apenas cerca de um século atrás, em 1908 foi distribuído pela primeira vez na Rússia. 

- O Kefir é azedo mesmo?

Você decide se quer azedo ou não, o Kefir pode ficar azedo ou ácido quanto maior for o tempo de fermentação, se desejar um Kefir que não seja azedo, basta deixar menos tempo e terá um Kefir suave. A proporção de grãos para o leite e temperatura ambiente também influi na fermentação.

- Os grãos de Kefir soltam uma "gosma" branca?

Sim, essa "gosma" branca que os grãos soltam e que normalmente vemos quando estamos peneirando é o que os pesquisadores batizaram de kefiran, com propriedades anti-cancerígeno.

- Qual a temperatura e tempo ideais para cultivar o Kefir?

O Kefir deve ficar em temperatura ambiente entre 10 a 40 graus, sendo que a temperatura ideal para produzir é em torno de 20 a 37 graus por um tempo de fermentação que pode variar de algumas horas até três dias caso a temperatura ambiente esteja menos de 22°C.

Se mantivermos o Kefir depois de fermentado na geladeira ele manterá ainda condições para consumo por cerca de 3 dias. Se for feito queijo de Kefir o tempo de conservação poderá ser bem maior.

A proporção ideal para seguir estes tempos é:

Uma colher das de sopa de grãos de Kefir para cada meio litro de leite.

- Como devo consumir o Kefir?

Na hora de consumir o líquido que chamamos de Kefir, não deve conter grãos, os grãos devem ser separados com a peneira para posteriormente produzirem novos lotes de Kefir para consumo, eventualmente poderá até comer os grãos, caso tenha muitos, ou seja, não ha problema nenhum em ingerir diretamente os grãos.
Na aparência, o Kefir é semelhante a coalhada ou iogurte (mas apenas na aparência) e pode ser misturado com frutas por exemplo.

- Qualquer pessoa pode consumir o Kefir?

Não há nenhuma restrição em princípio, qualquer pessoa poderá tomar o Kefir, salvo problemas de saúde que possam impossibilitar, nesse caso a orientação médica pode ser necessária.

- Qual a quantidade de Kefir posso consumir por dia?

O Kefir é um alimento e algumas pessoas ingerem um litro e meio por dia do Kefir de leite.

- Qual leite devo usar?

Nas maioria das cidades do Brasil pode se usar o Leite UHT (Longa vida) integral ou desnatado. Em locais que possa se conseguir leite fresco de vaca ou cabra serão melhores, mas esses devem ser fervidos e esfriados a temperatura ambiente antes de serem colocados os grãos.

- Como cultivar o Kefir?

Para produzir o Kefir de leite usa-se apenas: 

Grãos de Kefir 
Leite 

Que devem ser colocados em um pote de vidro. A proporção de grãos para leite é em média de uma colher de sopa de grãos de Kefir para cada meio litro de leite, se tiver mais grãos proporcionalmente a fermentação deverá ser mais rápida e deve ser trocado o leite em menor tempo.

O tempo de fermentação em temperatura média de 20° C (vinte graus centígrados) é o seguinte:

Para consumir um Kefir mais suave a fermentação deve ser mínima e pode durar apenas umas 6 horas, (Em dias mais frios isso pode demorar mais tempo) que é quando o leite começa a ficar mais denso (engrossar), a partir do momento que chega nesse estágio retira-se os grãos com a peneira e pode-se consumir o líquido peneirado ou colocar na geladeira e consumir mais tarde.
O Kefir mais ácido pode ser obtido em até três dias de fermentação.

(Fonte: www.kefir.com.br)

Tudo sobre Kefir
Fonte: Internet

Eu gosto muito de consumir o Kefir, e normalmente tomo com chia e umas gotinhas de adoçante. Ele é bem saboroso, e faz muito bem para a nossa saúde.

Se você deseja doação, procure nos grupos do facebook, sempre tem gente doando Kefir.

Abraços amores...

www.anaceliapiske.com